Politica

Veja quanto cada deputado recebia de propina

A operação “Furna da Onça”, que mira deputados acusados de usarem a Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) a serviço de interesses da organização criminosa do ex-governador Sérgio Cabral (MDB) em troca de propina mensal, chamada de “mensalinho”, cumpre 22 mandados de prisão, 10 deles contra parlamentares da Alerj. O nome da operação se refere a uma sala ao lado do plenário da Casa, onde deputados se reúnem para ter conversas reservadas, destinada às combinações secretas que resultam em decisões individuais antes das votações, momento conhecido como a hora da “onça beber água”.

Quanto recebia cada deputado alvo de prisão hoje, segundo o MPF:

– André Correa (DEM): R$ 100 mil/mês

– Edson Albertassi (MDB): R$ 80 mil/mês + R$ 1 milhão

– Chiquinho da Mangueira (PSC): mais de R$ 3 milhões

– Coronel Jairo (SD): R$ 50 mil/mês + prêmio

– Jorge Picciani (MDB): R$ 400 mil/mês + prêmio

– Luiz Martins (PDT):

– Marcelo Simão (PP): R$ 20 mil/mês

– Marcos Abrahão (Avante): R$ 80 mil/mês + R$ 1,5 milhão

– Marcus Vinicius “Neskau” (PTB): R$ 50 mil/mês

– Paulo Melo (MDB): R$ 900 mil/mês + prêmio

Comente com o seu Facebook
Veja quanto cada deputado recebia de propina

To Top
error: Conteúdo protegido.