BLOG DO FABRICIO NASCIMENTO

Opinião, artigos e bastidores da política
ClickCampos.com/Fabricio

TSE pode decidir na próxima terça se haverá novas eleições em Italva

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgará na próxima terça-feira (26), a ação que pede a cassação da prefeita Margareth do Joelson por compra de votos na eleição de 2016. A prefeita já foi condenada em primeira e segunda instâncias por abuso de poder político e econômico. Em 2017 ficou comprovado que Margareth oferecia emprego para eleitores em troca de votos.

Além das promessas eleitorais, três dias antes da eleição a Justiça Eleitoral apreendeu cerca de 200 bonecas que seriam distribuídas para compra de votos. No local, agentes também encontraram títulos de eleitor e contas de luz de várias pessoas da cidade, que estariam sendo pagas em troca de votos.

Caso o TSE mantenha a decisão da primeira e da segunda instância, o presidente da Câmara de Italva deve assumir o comando da cidade, já que o vice de Margareth também é réu no processo que será julgado na terça, e novas eleições devem ser convocadas.

VIDA COMPLICADA
O julgamento do TSE acontece em um momento onde a Câmara vive um imbróglio para votar as contas da prefeita. Com a orientação do Tribunal de Contas do Estado em rejeitar as contas de Margareth referente ao ano de 2017, vereadores “sentam em cima” do processo e não colocam em pauta. A medida no entanto é arriscada, e o Ministério Público pode entrar com ação contra o presidente do legislativo municipal por improbidade administrativa.

No entanto, há quem diga na cidade que caso a prefeita tenha uma decisão desfavorável na próxima terça no TSE, a Câmara deve votar as contas de Margareth ainda na próxima semana.

Relacionados

ÚLTIMAS POSTAGENS

error: Conteúdo protegido.