SJB tem primeiro caso confirmado de H1N1

O primeiro caso de H1N1 registrado em 2019 em São João da Barra foi confirmado nesta segunda-feira (11) após o resultado de exames laboratoriais pela Secretaria de Saúde.

A paciente tem 52 anos e deu entrada na rede municipal no dia 28 de maio. Um outro caso suspeito está sendo investigado na cidade.




Segundo a Prefeitura, desde as primeiras 24 horas após a apresentação dos sintomas, foi seguido todo o protocolo recomendado pelo Ministério da Saúde, com isolamento, fluxograma para a realização dos exames e remoção para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

A Prefeitura informou ainda que o quadro da mulher é estável, com possibilidade de deixar a UTI nos próximos dias.

O município também informou que toda assistência vem sendo prestada pela Secretaria de Saúde, que acompanha os boletins oficiais e realizou profilaxia na família.

Em relação ao caso suspeito de H1N1 que está sendo investigado, o paciente foi transferido para o Hospital Ferreira Machado (HFM) em Campos dos Goytacazes, e exames estão sendo feitos para confirmar ou não a doença.

De acordo com a Prefeitura, o quadro é estável e a suspeita está se descaracterizando, podendo ser descartada após o resultado dos exames.

A Secretaria de Saúde alerta que a principal prevenção contra a doença é a vacina, disponível em 11 unidades de saúde em todo município.

Seguindo determinação do Governo do Estado, serão imunizadas até o dia 15 de junho, ou até atingir a meta de 90%, apenas pessoas que estão incluídas no grupo prioritário.

O município informou que já com 88% do público-alvo imunizado, poderá, portanto, ter a vacinação antecipada para toda população assim que atingir a meta de 90%.

  • Trabalhadores da saúde
  • Povos indígenas
  • Puérperas (mulheres até 45 dias após o parto)
  • Idosos
  • Professores de escolas públicas e privadas
  • Pessoa com doenças crônicas ou imunidade baixa
  • Jovens sob medidas socioeducativas
  • Funcionários do sistema prisional
  • Pessoas privadas de liberdade
  • Profissionais das forças de segurança e salvamento (policiais, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas)
- Anúncios -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.