BLOG DO FABRICIO NASCIMENTO

Opinião, artigos e bastidores da política
ClickCampos.com/Fabricio

Rodrigo Bacellar reprova interferência da estadual e alfineta Caio

O prefeitavel pedetista Caio Vianna utilizou suas redes sociais, hoje, para divulgar uma nota de apoio da Executiva Estadual do partido Solidariedade, assinada pelo deputado federal Áureo Ribeiro, presidente estadual.

O problema é que a sigla, representada nesta eleição pelo candidato Dr. Bruno, terceiro colocado na disputa, e capitaneada pelo deputado estadual Rodrigo Bacellar, já havia se posicionado a favor da neutralidade. O deputado campista não gostou nem um pouco e, em conversa telefônica com o ClickCampos alfinetou Áureo, seu presidente, e pediu respeito a Dr. Bruno.




“Com todo respeito que tenho ao deputado Áureo, nós aqui do Solidariedade Campos esperamos é o mínimo de respeito com o nosso candidato, o Dr. Bruno. No sacrifício pelo grupo, sem tempo hábil, se colocou à disposição para defender a cidade de Campos em nome do partido. Não sei se Áureo sabe, já que ele vem a Campos tanto quanto o candidato que está apoiando, mas ainda há um processo em andamento e podemos enfrentar no segundo turno o candidato que ele interferiu pra apoiar. E aí, o presidente vai jogar contra o próprio partido que preside? Lamentável a falta de respeito que esta interferência representa para todos aqueles que enfretaram sol e chuva todo o santo dia pra defender o nosso partido. Lembrando que, mesmo se não houvesse processo, o partido em Campos seguiria com pela neutralidade”, disse Bacellar.

Logo após as cutucadas em Áureo, Bacellar voltou a sua metralhadora para Caio, a quem chamou de “menino mimado”.

“E se trata justamente de posturas como essa do Caio, dignas de menino mimado, em tentar fazer com Solidariedade o que fez com o PSL e tantos outros partidos, tentando induzir a população ao erro utilizando a direção do Rio de Janeiro, que nada tem a ver com a municipal, que nos fazem querer vê-lo bem longe. Mas Campos inteira sabe que o negócio de Caio é mesmo o Rio. Para ele, nossa cidade é turismo eleitoral. Que ele volte pra ‘cidade maravilhosa’, seja feliz” e deixe Campos crescer em paz.




Relacionados

ÚLTIMAS POSTAGENS

error: Conteúdo protegido.