BLOG DO FABRICIO NASCIMENTO

Opinião, artigos e bastidores da política
ClickCampos.com/Fabricio

Quem estava errado?

Na última semana, um vídeo de uma confusão na fila de vacinação da Guarda Civil Municipal circulou nas redes sociais. Tudo começou quando os vereadores Leon Gomes e Bruno Vianna foram até o local para fiscalizar a atividade, onde no vídeo aparece muito empurra-empurra e gritos. De acordo com fontes ouvidas pelo ClickCampos, a confusão iniciou porque os vereadores entendiam que a Guarda Municipal, naquele momento, não tinha autorização para ser vacinada. Após a confusão o SIPROSEP chegou a divulgar uma nota de repúdio a ação dos vereadores, e o prefeito Wladimir, como de costume, usou a sua rede social para ‘mandar um recado’, afirmando que a vacinação segue o calendário do Plano Nacional de Vacinação.

Alguns dias após a confusão, o vereador Leon Gomes explicou em uma entrevista que foi até o local para fiscalizar, e chegando lá soube que os agentes da Guarda Civil estavam sendo vacinados e tentou ‘organizar’ a situação ouvindo as pessoas que estavam na fila.  O outro vereador que esteve no local enviou uma nota para a nossa equipe e esclareceu que “esteve no Centro de Saúde para ouvir as demandas da fila de vacinação. O parlamentar faz parte do Grupo da Câmara que irá fiscalizar a imunização na cidade. O propósito do parlamentar também era fiscalizar e garantir a regularidade de todo o processo”, frisou.

- Advertisement -

Acontece que, a confusão só se deu pelo fato de que o governo municipal havia autorizado de maneira informal a vacinação dos Guardas Municipais, porém, não houve nenhum comunicado ou decreto publicado de maneira oficial. A vacinação naquele momento acontecia no “jeitinho”, já que a corporação vem sofrendo com baixas em virtude da covid-19. Após a confusão, o prefeito Wladimir esteve na sede da Guarda Civil Municipal no dia seguinte e ‘re-autorizou’ a vacinação dos agentes a partir desta semana. “Realizei nesta manhã uma visita aos amigos da Guarda Civil Municipal para realizar um importante anúncio: a vacinação de toda corporação”.

Mas afinal, se não havia autorização para vacinar naquele momento, por qual motivo os Guardas Municipais estavam sendo vacinados? Mais quais categorias estão sendo vacinadas sem autorização em Campos? Tudo isso poderia ser evitado se o processo de vacinação em Campos fosse mais transparente. Não há nenhum problema em Guardas Municipais receberem a imunização. O problema é quando isso é feito de maneira não oficial. Bastava um comunicado oficial e a Guarda Municipal já seria imunizada na semana passada e a confusão não teria acontecido.

O governo Wladimir consegue bagunçar a vacinação até mesmo quando não precisa e nem tem necessidade. É um governo que passa a maior parte do tempo apagando incêndios e consertando desastres.

Relacionados

ÚLTIMAS POSTAGENS