Procurador José Paes Neto dará explicações na Câmara de Campos

Membros do governo Rafael Diniz divulgam em redes sociais um documento, onde o Procurador Geral do Município, José Paes Neto, se põe à disposição da Câmara de Vereadores de Campos para qualquer esclarecimento relacionado ao polêmico “acordo” feito entre a Prefeitura de Campos e o Grupo IMNE.

A louvável atitude do vereador deve resultar em uma visita ao legislativo após o recesso legislativo.




No entanto, o documento não cita se o procurador também explicará sobre o “acordo” envolvendo R$ 12.6 milhões entre a prefeitura de Campos e a Santa Casa de Misericórdia, que tem como procurador o irmão de José Paes.

- Anúncios -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.