BLOG DO MAYCON VIDAL

Opinião, artigos e bastidores da política

Prefeitura encaminha casos suspeitos de coronavírus para unidades sem médicos

O prefeito Rafael Diniz (Cidadania), publicou um vídeo em suas redes sociais na última semana, informando as primeiras medidas de combate ao coronavírus e dizendo que a prefeitura iria divulgar os locais de referência para o atendimento dos casos suspeitos. A prefeitura, no dia seguinte, divulgou um comunicado, informando que os cidadãos que apresentassem os sintomas semelhantes ao do coronavírus deveriam se encaminhar a UPH de Guarus, UPH de Travessão ou UPH São José.

Apesar disso, as pessoas que estão apresentando os sintomas da doença podem ter uma infeliz surpresa ao chegar aos locais indicados para o atendimento. Como por exemplo ocorreu durante esta terça (17) na UPH de Guarus, que não tinha médicos para atender os pacientes. Toda a triagem e atendimento estava sendo feita por enfermeiros, que apesar do empenho para atender os pacientes, não podem dar atestados, apontar diagnósticos, solicitar exames ou prescrever determinados medicamentos.




Não faz sentido encaminhar pessoas com sintomas semelhantes ao do coronavírus, durante uma pandemia, para um local onde não há médicos para realizar o atendimento. A melhor medida é seguir as recomendações do ministério da saúde e evitar, quando possível, a exposição a locais com grande circulação de pessoas.

Declaração de comparecimento, assinada por um enfermeiro e que atesta a falta de médicos na unidade de saúde. O nome do enfermeiro e da paciente foram omitidos.

 




Relacionados

ÚLTIMAS POSTAGENS

error: Conteúdo protegido.