Campos

Prefeito recebe bolsistas do Viva a Ciência e entrega termo de outorga

Os 30 alunos dos projetos contemplados para o programa municipal “Viva a Ciência” receberam nessa quarta-feira (11), o termo de outorga para o início das pesquisas. A entrega do documento foi feita pelo prefeito Rafael Diniz, pelo superintendente de Ciência, Tecnologia e Inovação, Romeu e Silva Neto; e pelo superintendente do Fundo de Desenvolvimento de Campos (Fundecam), Rodrigo Lira, no auditório da prefeitura. Os universitários terão direito à bolsa mensal de R$ 400 pelo período de um ano. O benefício começa no dia 1º de agosto.

— Entregamos os termos de outorga dessas 30 bolsas para os alunos contemplados com seus respectivos orientadores, obviamente buscando nesse projeto pioneiro, mais um caminho para o desenvolvimento da nossa cidade. É um dia histórico, um dia de muita conquista para a nossa cidade. Entre os compromissos da nossa gestão está a Educação, Tecnologia, Ciência e Inovação. “O Viva a Ciência” aproximou as universidades e o poder público. Juntos, trabalhamos pelo desenvolvimento do nosso município — destacou o prefeito Rafael Diniz.

O superintendente de Ciência, Tecnologia e Inovação ressaltou que apesar de ser um projeto pioneiro, a academia recebeu muito bem o “Viva a Ciência”. “Agradeço a confiança de vocês e aproveito para comunicar que pretendemos ampliar esse programa, no ano que vem, com bolsas para Pós-graduação, Mestrado, Doutorado. Temos outras ideias de projetos como o programa municipal de estágios para alunos das universidades públicas e privadas, projeto para desenvolver um Centro Municipal de Inovação. Ou seja, na área da Inovação, Ciência e Tecnologia, temos uma série de iniciativas que vamos precisar muito do apoio de todos vocês”, frisou Romeu.

A Lei 8.819/18, que cria o programa municipal de Bolsas, através do Fundecam, foi sancionada pelo prefeito Rafael Diniz e publicada, na edição de 10 de abril do Diário Oficial Eletrônico. Os projetos selecionados contemplam várias áreas, como: transporte, ambiente, urbanismo, educação, saúde, economia, tecnologia, turismo, dentre outras.

— O Fundecam foi reinventado na atual gestão e uma das frentes de atuação é exatamente o apoio à Ciência, Tecnologia e Inovação. Campos é um polo universitário com mais de 20 mil estudantes cursando o 3º grau e isso nunca foi aproveitado da forma como está sendo agora. A gestão do prefeito Rafael Diniz, por meio do Fundecam, acredita nos universitários de Campos com desenvolvimento de Ciência e Tecnologia que podem fazer a diferença para o município — afirmou o superintendente do Fundecam.

Sthefany Rangel foi uma das contempladas do programa. Ao lado do orientador, o professor Leonardo Ribeiro, ela falou da proposta do projeto apresentado e como pretende empregar o benefício financeiro.

— O projeto pretende mapear os pontos de ônibus de Campos e avaliar o comportamento de cada passageiro, de cada bairro. Dessa forma, posso ajudar o município a encontrar uma solução para a situação que vivemos, atualmente no serviço de transporte público. O valor da bolsa será empregado em parte do pagamento das mensalidades da universidade. Estou muito feliz em ter sido contemplada, e principalmente, em poder contribuir com o desenvolvimento do município — finalizou a estudante.

Comente com o seu Facebook
Prefeito recebe bolsistas do Viva a Ciência e entrega termo de outorga

To Top
error: Conteúdo protegido.