Brasil e Mundo

Operação Calicute: Cabral é condenado a 45 anos de prisão

Na última quarta (20), ex-governador do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, foi condenado a 45 anos e 2 meses de prisão. Além da prisão, também foi condenado a pagar multa. Cabral foi sentenciado pelas práticas dos crimes de corrupção passiva, pertencimento a organização criminosa e lavagem de dinheiro.

As investigações que resultaram na anteriormente na prisão e agora nessa condenação, são em função da Operação Calicute, um dos desdobramentos da Lava Jato. Na sentença, o ex-governador é apontado como idealizador do gigante esquema criminoso institucionalizado no âmbito do Governo do Estado do Rio de Janeiro.

Essa é a segunda condenação aplicada a Sérgio Cabral. Anteriormente ele já foi condenado a 14 anos e dois meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro. A sentença anterior foi aplicada pelo juiz Sérgio Moro.

Ainda segundo o que aponta a sentença, Cabral era o chefe da organização, lhe cabia essencialmente solicitar propina às empreiteiras que desejavam contratar com o Estado do Rio de Janeiro e dirigir os demais membros da organização no sentido de promover a lavagem do dinheiro.

Comente com o seu Facebook

To Top
error: Conteúdo protegido.