fbpx

Moradores dos Jardins sofrem com esgoto a céu aberto em SP

Publicado dia

Um vazamento de esgoto tem incomodado moradores e trabalhadores do Jardim Paulista, bairro nobre de São Paulo localizado na Zona Sul. A denúncia foi feita à equipe da Jovem Pan News, que foi apurar as reclamações. De acordo com Francisco Miguel, que é dono de um estacionamento na região, a situação ocorre há 5 meses: “Eu trabalho das 7h, às vezes até às 20h, e fico aqui no meu comércio com esse cheiro direto. Muito difícil, se for fazer um exame da respiração da gente, acho que a gente está com o pulmão bem mal. Se um cigarro faz mal, imagina um cheiro desse 24h por dia”. O relato do proprietário é o mesmo do professor de educação física, Hedy Akkoh, que mora em um dos edifícios da região e revelou à reportagem que já foram feitas inúmeras reclamações, sem nenhuma solução: “Não arrumam nada, é a Prefeitura e a Sabesp que tentam arrumar, mas não arrumam nada, Na verdade, eles fizeram um desvio que não resolveu nada. É um desastre total, um cheiro insuportável. Deve ter 300 reclamações com eles lá, mas não adianta nada. Eles veem, sempre mandam alguém para dar uma olhada. Assinar, todo mundo consegue assinar. Mas trabalhar para valer está muito difícil”.

Não é apenas o odor que incomoda quem mora e trabalha na região, o medo também existe pelo risco de solapamento. A calçada está danificada e precisa ser reformada constantemente devido às infiltrações. O zelador de um condomínio que fica na área mais afetada entre a Alameda Franca e a Rua José Maria Lisboa, Nilo Coelho Flandoli, ressaltou que a falta de ação vem se arrastando a muito tempo e o temor de um dano ainda maior: “A tendência é aumentar. Está afetando outros condomínios. Você pode ver, a calçada está desnivelando, abaixando e a gente não sabe o quanto de água está passando aí embaixo”.

*Com informações do repórter Daniel Lian

Últimas notícias

Leia também