MP do Rio planeja apresentar denúncia contra Flávio Bolsonaro em duas semanas

O Ministério Público do Rio de Janeiro programou a apresentação da denúncia contra Flávio Bolsonaro no caso das “rachadinhas” para a semana de 21 a 25 de setembro. Segundo envolvidos no caso, o senador deve ser denunciado pelos crimes de peculato, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

A posição inicial do MPRJ era aguardar uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o foro especial concedido a Flávio, em junho. O benefício foi questionado pelo órgão junto à corte. Houve, porém, a avaliação de que apresentar a denúncia não mudará o andamento do caso e os atos praticados na ação continuarão válidos.

- Advertisement -

O que pode acontecer é que, se o foro do senador cair e o processo voltar para a primeira instância, o promotor pode ter que ratificar a denúncia que será oferecida pelo procurador-geral da Justiça do Rio, Eduardo Gussem.

Um fator que tem pesado para que a denúncia contra Flávio seja oferecida ainda neste mês é a eleição do próximo procurador-geral de Justiça do Estado, que acontece no fim do ano. Integrantes do MP do Rio avaliam que o processo de Flávio Bolsonaro está se refletindo na eleição interna. O grupo entende que a denúncia pode ajudar a separar os temas. Nas últimas semanas, as especulações sobre uma possível intervenção do governo Bolsonaro na escolha do próximo chefe do MP do Rio aumentaram.

- Participe -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.