“Mas isso pode, Nutri?”

Talvez essa seja uma das perguntas mais frequentes que recebo diariamente. “Lara, eu posso comer isso?” “Mas isso não engorda, nutri?”.

Atualmente, com o excesso de informações que encontramos na mídia, alguns alimentos foram classificados como “esse faz engordar” e “esse faz emagrecer”. Porém, isso é muito relativo. Como já sabemos não é somente um alimento que tem esse poder e sim toda a alimentação de um indivíduo associado ao estilo de vida e alguns outros fatores em conjunto. Mas basicamente o que te faz engordar ou emagrecer é o seu balanço energético. Se for positivo, ou seja, você ingere mais calorias do que gasta, resultará em ganho de peso. Se for negativo, você ingere menos calorias do que gasta, o resultado será perda de peso.

- Advertisement -

Portanto, não podemos classificar um único alimento como responsável pelo processo de ganho de peso. Claro que existem alimentos que são mais calóricos, pobres nutricionalmente e que devemos evitar, mas ainda sim, este alimento sozinho não te fará engordar, o excesso dele sim.

Já escutei relatos de pessoas que deixam de consumir certo tipos de frutas por serem ditas “muito calóricas” ou “com muito carboidrato”. Um exemplo disso é a banana. Algumas pessoas têm medo de consumi-lá por conta do seu teor de carboidrato. Mas a nutrição não é somente isso, ela vai muito além. Por isso, deixo uma dica para vocês: equilíbrio é tudo. E se você tiver dúvidas sobre algum alimento ou quiser saber se ele se encaixa bem no seu plano alimentar, procure um nutricionista.

Lara Rosalino, Nutricionista.

[email protected] – CRN 18100218




- Participe -
- Anúncios -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.