fbpx

#SigaOCLICK

Mariana Godoy, Fabíola Reipert e Renato Lombardi estão com Covid

MAIS LIDAS




SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A apresentadora do “Fala Brasil”, Mariana Godoy e os jornalistas Fabíola Reipert e Renato Lombardi, do “Balanço Geral São Paulo”, da Record TV, receberam diagnóstico de Covid. Eles estão afastados dos telejornais por tempo indeterminado.

- Advertisement -

Mariana foi afastada às pressas na segunda (3) do telejornal matutino após a confirmação da doença pela segunda vez. Em 2020, ela e o marido, Dalcides Biscalquin, apresentador da Rede Vida, venceram a doença.

Nesta terça (4), a jornalista disse à reportagem que teve dor de garganta no fim de semana e fez o exame PCR, que deu positivo para a doença. “Mas meu único sintoma foi a garganta, nada mais. [O] médico está acompanhando sem grandes preocupações. Fora a voz anasalada, eu estou me sentindo muito bem”, disse Mariana.

Na segunda (3), Camila Busnello, âncora do Jornal da Record News, substituiu Mariana, mas a jornalista Patrícia Costa fica no lugar da apresentadora enquanto ela se recupera. O jornalista Sérgio Aguiar, companheiro de bancada de Mariana, continua no telejornal.

Fabíola Reipert, titular do quadro Hora da Venenosa, e o comentarista de segurança Renato Lombardi, ambos do Balanço Geral São Paulo, também receberam diagnosticados de Covid após passarem o Ano Novo juntos.

Fabíola foi substituída pela irmã, a jornalista Mabel Reipert, e Lombardi por Diogenes Lucas para repercutir assuntos de segurança.

Após dois anos de pandemia, 2022 começou com novas preocupações com o avanço da Covid-19. O Brasil teve um aumento de 137% nos registros da infecção no último ano de 2021, número que mostra reflexo também entre os famosos.



No dia 2 de janeiro, o ex-jogador de futebol Ronaldo Nazário, 45, recebeu diagnóstico de Covid. O comunicado foi feito pelas redes sociais do Cruzeiro, comprado recentemente pelo atleta.

No mesmo dia, o PSG confirmou quatro casos de jogadores confirmados com Covid, entre eles, Lionel Messi. “Os quatro jogadores diagnosticados com Covid-19 são Leo Messi, Juan Bernat, Sergio Rico e Nathan Bitumazala. Eles estão em isolamento e vão passar pelo protocolo médico apropriado”, diz o comunicado.

Vários outros famosos também confirmaram, nas últimas semanas, o diagnóstico positivo. Esse foi o caso da influenciadora Gabriela Pugliesi, 37, que anunciou a seus seguidores na manhã de Natal que estava com “zero sintomas” e isolada.

Com as duas doses da vacina já tomadas, Pugliesi já tinha sido uma das primeiras figuras públicas a contrair a doença, em março de 2020, após vários convidados do casamento de sua irmã também terem diagnóstico positivo após a festa, na Bahia.

Já a apresentadora e atriz Maisa Silva, 19, pegou a doença com os pais, o que fez com quem os três tivessem uma festa de Ano-Novo reservada, em quarentena. Ela contou em suas redes sociais que todos apresentam sintomas leves “graças à vacina”.

Outros famosos que tiveram que mudar seus planos para as festas de fim de ano por causa da doença são os atores Marcelo Serrado e Luis Lobianco -este último teria contraído a doença na Europa- e os cantores Preta Gil e Mariano, da dupla com Munhoz.



No dia 26 de dezembro, Caetano Veloso informou em seu perfil no Instagram que recebeu o diagnóstico positivo para Covid-19. Sua mulher, Paula Lavigne, também contraiu o vírus. Ambos passam bem.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Mais notícias