Marcão tenta manobra desesperada para ter apoio de Carla e atinge aliados

Conforme já adiantamos em postagens anteriores (AQUI), o vereador Marcão Gomes está em uma sinuca de bico ao perceber que não terá o apoio de Carla Machado, prefeita de São João da Barra e irmã do vereador líder da bancada governista em Campos, Fred Machado. Para tentar ter o apoio do clã machado aos 45 do segundo tempo, Marcão tentará adiantar a eleição a mesa diretora da Câmara Municipal de Campos, elegendo o vereador Fred Machado para a presidência da Câmara.

No atual cenário, Fred será candidato a deputado estadual e Carla disputará uma cadeira em Brasília, na Câmara Federal. Eleger Fred presidente da Câmara de Campos faria com que o clã Machado desistisse de uma candidatura ao Planalto, tendo apenas um candidato para a ALERJ. Porém, a medida é vista com desconfiança por aliados da família Machado em SFI e SJB, que não acreditam na palavra de Marcão, já que ele havia prometido que iria adiantar a eleição da mesa diretora, assim como foi feito em SJB, mas até o momento não cumpriu com o que foi prometido.

- Advertisement -




O clima nos bastidores é tão quente, que Marcão não presidiu a sessão desta terça (03), por estar em uma reunião fechada na sala da presidência da Câmara.

AFASTANDO ALIADOS

A medida no entanto frustrará aliados, já que alguns tem acordos já firmados com outros pré-candidatos a deputados federais e com comitivas estaduais, não podendo apoiar Marcão em 2018, não tendo espaço na mesa diretora.

Além disso, a falta de interesse de Marcão em atender demandas de aliados que vão apoiar outros candidatos vem gerando frisson nos corredores da Câmara. A popularização da lei n° 8.816, popularmente divulgada como ‘Lei Marcão’ também não pegou bem nos bastidores, já que alguns vereadores entenderam que a intenção da lei é eleitoreira e egocêntrica.




- Participe -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.