Macaé tem em três dias mais casos de Covid-19 do que o total de 19 cidades da região

Desde o início da testagem em massa da população, em 17 de junho, Macaé tem apresentado crescimento dos números de casos confirmados do novo coronavírus na casa das centenas. Somente nos boletins referentes de segunda-feira (29/06) a quarta-feira (01/07), a prefeitura registrou 766 infectados, uma média de 10,6 casos por hora. O número também mostra que o município teve, em três dias, mais pacientes diagnosticados do que o total de 19 dos 22 municípios da região. O levantamento é do Painel Covid-19 Norte e Noroeste Fluminense.

A prefeitura de Macaé divulga os dados das últimas 24 horas sempre na manhã do dia seguinte. Desde segunda-feira, a quantidade de infectados no município cresceu 30,3%, passando de 2.530 para 3.298.

- Advertisement -

Somente o número de novos casos em 72 horas é maior do que o total registrado em grande parte das cidades do Norte e Noroeste Fluminense. Apenas Campos, com 1.941, e Itaperuna, com 990, possuem mais pacientes diagnosticados desde o início da pandemia em comparação com os últimos três dias em Macaé.

Além disso, a quantidade de infectados neste período já é superior a última semana inteira, entre os dias 21 e 27 de junho, e que foi a pior na série histórica, com 652 casos confirmados.

A disparada no índice mostra que existe uma grande quantidade de pessoas infectadas que, pelo método de testagem adotada na maioria das cidades, não são diagnosticadas normalmente, o que representa uma subnotificação em massa. A testagem de um grande número de pacientes depende, na maioria das vezes, da disponibilidade dos exames no mercado e também da condição financeira do município ou de eventuais parcerias com a iniciativa privada.

- Participe -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.