Campos

Justiça põe Garotinho de castigo e ele não poderá fazer pirraça em seu blog e facebook

Na linguagem futebolística, poderíamos definir as sucessivas derrotas de Anthony Garotinho na justiça e na política como “chocolate”. Assim vem sendo os últimos meses para a família Garotinho, ”chocolate atrás de chocolate”. Após perder uma eleição de maneira vergonhosa no 1° turno, ver sua base aliada envolvida em um escandaloso esquema de compra de votos, ver o governo da sua esposa desmoronar em Campos, indo cada vez pior, ser preso e virar notícia nacional por ter uma transferência das mais bizarras da história recente, Garotinho teve mais uma derrota judicial.

O juiz da 100ª Zona Eleitoral de Campos decidiu que Garotinho está proibido de utilizar o seu blog pessoal e o sua página no facebook para reclamar de ações em que é réu “Atacar as autoridades envolvidas na apuração do caso, tanto delegados, juízes e promotores, bem como a fazer menção sobre testemunhas e partes envolvidas neste feito”.

DEFESA DE GAROTINHO
A defesa de Garotinho divulgou uma nota em que o criminalista Fernando Augusto Fernandes, “classifica como censura a proibição judicial de que o político fale em seu blog sobre o processo a que responde. Afinal, o ex-governador é jornalista, radialista e um homem público, e já denunciou em seu blog furos jornalísticos, como a foto em que o ex-governador Sérgio Cabral e empreiteiros aparecem com guardanapos na cabeça, num restaurante em Paris. O advogado afirma que Garotinho tem revelado abusos do delegado de Polícia, torturas e extorsão de depoimentos, e que as autoridades mencionadas não são imunes às críticas. Ele irá recorrer da decisão”.

 

Comente com o seu Facebook

To Top
error: Conteúdo protegido.