José Carlos: “A culpa de aplicar Dipirona é do médico. O prefeito é médico?”

Artigo de opinião

O vereador José Carlos (DC) causou grande revolta na última quarta-feira (17), após colocar a culpa do mau atendimento em uma UBS nos profissionais, isentando o prefeito Rafael Diniz da culpa.

O vereador utilizou o exemplo dado anteriormente por outro vereador, em que um paciente adolescente que vomitava sangue, recebeu apenas uma injeção de Dipirona e foi encaminhado para casa, já que a UBS não tinha outro medicamente e nem ambulância para transferir o paciente para uma unidade com mais estrutura.




– Se aplicou Dipirona e foi embora, é culpa de quem atendeu, não do prefeito.

É vereador, a culpa da falta de medicamentos e ambulância na saúde de R$ 800 milhões deve ser dos médicos e outros servidores mesmo, o prefeito, que é responsável pela compra dos medicamentos e das ambulâncias e tem obrigação de administrar o município de fato não deve ter nada a ver com isso. Aliás, o que realmente parece é que o prefeito encara os problemas como se ele não tivesse nada a ver com isso.

 

- Anúncios -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.