fbpx

#SigaOCLICK

Imóveis são ‘engolidos’ por terra após deslizamento em Ouro Preto (MG)

MAIS LIDAS

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Ao menos três imóveis foram atingidos por um deslizamento de terra em Ouro Preto (MG) na manhã desta quinta-feira (13). O incidente ocorreu no Morro da Forca, no encontro das ruas Diogo de Vasconcelos e Pacífico Homem com a Praça Cesário Alvim, no centro histórico do município.

O desabamento de um prédio da prefeitura, o mais alto entre os prejudicados, foi gravado em vídeos que circulam nas redes sociais. Não há registro sobre feridos.

- Advertisement -

O município é um dos 341 em situação de emergência após as fortes chuvas que atingiram Minas Gerais nos últimos dias. De acordo com a Defesa Civil, dois imóveis tiveram a estrutura comprometida e as saídas foram isoladas em 500 metros nos dois sentidos.

Segundo o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, moradores e trabalhadores nas proximidades do local do incidente foram evacuados preventivamente porque ainda há uma instabilidade do talude. “Se houver outro desmoronamento, há a possibilidade de um hotel e um restaurante serem atingidos”, afirma a corporação.

De acordo com a Guarda Municipal de Ouro Preto, o incidente ocorreu por volta das 9h10 e o prédio, interditado desde 2012, armazenava materiais de tecnologia da informação da administração municipal.

A área em frente aos imóveis atingidos já estava isolada, após uma denúncia de que havia deslocamento de um pequeno punhado de terra no entorno do local, localizado em encosta logo abaixo do heliporto da cidade.

“Recebi uma ligação por volta das 8h30 de um fiscal de nossas linhas de ônibus e deslocamos uma viatura para lá, avisando à Defesa Civil. Resolvemos isolar a área e antes dos profissionais da Defesa Civil chegar, não deu nem 15 minutos, tudo veio abaixo”, afirma o guarda municipal Dickson Reitmeyer Fernandes.

Segundo ele, o movimento foi feito por causa de uma grande pedra na encosta do local, que também apresentava “deslocamento”. No momento do incidente, não havia nenhum trabalhador no interior do imóvel.

Devido às chuvas que acometem o estado há semanas, 341 municípios de Minas Gerais estão em situação de emergência.

Na quarta (12), um deslizamento de terra “engoliu” carros em um estacionamento na cidade de Ponte Nova (MG), a 181 km de Belo Horizonte. Os veículos estavam no terreno do Conjunto Habitacional Dom Helvécio, conhecido como Cojan, quando o terreno cedeu.

Além do deslizamento, pontes do município foram interditadas, uma cratera se abriu na MG-262 -que liga Ponte Nova e Mariana- e inúmeros pontos de alagamento foram registrados ao longo da última semana. Durante o fim de semana, ainda houve a queda de um paredão em um cânion em Capitólio.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Mais notícias