Homem é preso suspeito de agredir e manter mulher em cárcere privado por 3 dias

Um homem de 25 anos foi preso na manhã desta quarta-feira (23) em Arraial do Cabo, na Região dos Lagos do Rio, suspeito de agredir diversas vezes e manter a mulher em cárcere privado por três dias.

De acordo com a Polícia Civil, para impedir a vítima de fugir, o homem trancou portas e janelas com pregos e escondeu o celular dela. O caso aconteceu no distrito de Figueira. A prisão foi no local de trabalho do suspeito.

- Advertisement -




Ainda segundo a polícia, ele tentou matá-la sufocada. A mãe da vítima conseguiu socorrê-la e a levou para o Hospital Geral de Arraial do Cabo, onde a Polícia Militar foi acionada.

O caso foi denunciado na 132 ª DP e as investigações foram iniciadas. A Polícia Civil pediu à Justiça a prisão preventiva do homem por cárcere privado, lesão corporal, ameaça e injúria.

Segundo as investigações, o homem, com quem a vítima mantinha um relacionamento há mais de cinco anos, vinha agredindo verbalmente e fisicamente a companheira repetidas vezes ao longo do tempo. Ele também ameaçava matar a mulher e família dela, caso ela terminasse o casamento ou o denunciasse para a polícia. Os crimes seriam motivados por ciúmes.

Com informações do G1.




- Participe -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.