HGG se torna referência em cirurgias para retirada de cálculo renal

A Prefeitura de Campos, através da Fundação Municipal de Saúde (FMS), entregou, nesta segunda-feira (13), um Gerador de Laser para cirurgias de retirada de cálculo renal — Ureterolitotripsia a laser — no Hospital Geral de Guarus (HGG). O aparelho, adquirido com recursos próprios do município, é de última geração e o único disponível na rede pública de Saúde da região. Sendo instalado na unidade, o gerador deve entrar em funcionamento em cerca de 10 dias.

— É sempre importante investir na qualidade da Saúde de Campos, como determina o prefeito Rafael Diniz. O Gerador de Laser vai ajudar em um tratamento em que recebemos muitos pacientes. Vai agilizar as cirurgias no HGG. Estamos fazendo todas as adequações necessárias no centro cirúrgico para iniciar a utilização do aparelho – disse Abdu Neme, secretário de Saúde e presidente da Fundação Municipal de Saúde.




O coordenador do serviço de Urologia do HGG, o médico Felipe Dias Martins, contou que na rede pública, o aparelho é utilizado apenas no Hospital Federal de Ipanema. Nos hospitais particulares do país, a cirurgia com este equipamento tem custo médio de R$ 12 mil.

— Por ser a laser, a recuperação é bem mais rápida. Assim, o paciente não precisa mais ficar de cinco a 10 dias no hospital, podendo ir embora geralmente no dia seguinte. O Gerador de Laser identifica todos os tipos de cálculo renal, sendo um tratamento mais completo. Mesmo com uma demanda muito grande, nossa expectativa é operar todos os pacientes de uma forma muito mais rápida — disse Felipe Dias Martins, contando também que a máquina pode realizar de cinco a seis cirurgias por dia.

Investimentos – No mês de abril, o HGG recebeu os novos equipamentos. Cinco Ventiladores Pulmonar Pressométrico e Volumétrico, que vão atender as necessidades do CTI da emergência: um Bisturi Eletrônico; um Lesometro Digital; dois Autorefletores; e um aparelho de Eletrocefalograma, que pode detectar vários problemas neurológicos.

A Prefeitura de Campos obteve a liberação de R$ 8 milhões para qualificar ainda mais as estruturas das duas unidades.

- Anúncios -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.
WhatsApp chat