Goyta perde de 2×1 e está rebaixado para a segunda divisão do Cariocão

Alvianil Praiano venceu de virada por 2 a 1 e não pode mais ser alcançado na tabela

O Goytacaz recebeu o Macaé na noite desta segunda-feira (18), no Aryzão, pela quinta rodada do Grupo X do Campeonato Carioca. De virada, o Alvianil Praiano venceu o da Rua do Gás por 2 a 1. Dilsinho e Jefferson anotaram os gols da vitória, enquanto Luquinha balançou as redes à favor dos mandantes.
Com o resultado, o Macaé chega a nove pontos e, assim como o Nova Iguaçu que possui a mesma pontuação, não pode mais ser ultrapassado por America, com cinco, e Goytacaz, com quatro pontos. Desta forma, a equipe Rubra e o Goyta estão rebaixados à Série B1 do Campeonato Carioca.
A última rodada do Grupo X do Campeonato Carioca servirá apenas para cumprir a tabela determinada. O Macaé enfrenta o Nova Iguaçu, no Ferreirão. Enquanto o Goytacaz visita o America, em Moça Bonita. Ambas as partidas acontecem no sábado (23), às 16h30.

Etapa inicial de muito equilíbrio e times efetivos

A partida começou de forma equilibrada, com as duas equipes tentando valorizar a posse de bola, porém sem sucesso. O Goytacaz chegou com perigo aos 21 minutos, quando Gabriel Galhardo acionou Luquinha e o atacante finalizou com força, sem chances para Bambu e estufou as redes para abrir o placar.
Com o tento marcado, o Goytacaz conseguiu segurar os ânimos do Macaé por boa parte da etapa inicial. Mas, aos 42 minutos, após um cruzamento para a grande área e um intenso bate-rebate, Dilsinho aproveitou a sobra da bola e bateu de canhota para empatar o duelo.

Com dilúvio no Aryzão e pênalti perdido, Macaé castiga Goytacaz

O segundo tempo ganhou toques de emoção. Uma forte chuva assolou o Aryzão e o gramado não suportou por muito tempo. Logo, muitas poças d’água foram formadas, atrapalhando o futebol jogado. Tanto que aos 24 minutos, Matheus Babi recebeu na grande área, livre de marcação, e na hora da finalização escorregou. Aos 26, Junior apareceu na entrada da área e chutou, mas a bola tocou na rede pelo lado de fora.
O Goytacaz obteve a chance de virar o placar e manter uma sobrevida na luta contra a queda. Aos 33 minutos, Michel foi derrubado na grande área e o árbitro marcou pênalti. Gabriel Galhardo bateu, o goleiro Bambu defendeu e no rebote, o meia finalizou novamente, mas o arqueiro do Alvianil Praiano defendeu de forma espetacular. O momento deu confiança aos visitantes que não desistiram até os últimos instantes. Aos 44 minutos, após erro na defesa do Goyta, Jefferson ficou com a bola e chutou tirando totais chances de defesa de Gláucio, virando o placar para garantir o Macaé na Seletiva de 2020.

A partida
Goytacaz 1×2 Macaé – Campeonato Carioca, Grupo X, 5ª rodada – 18/02/2019 às 19h30
Estádio Aryzão (Campos dos Goytacazes – RJ)
Árbitro: Maurício Machado Coelho Júnior
Assistentes: Eduardo de Souza Couto e Wendel de Paiva Gouvêa
Goytacaz: Gláucio; Tentente, Diego Macedo, Thurran, Ernani (Michel, 29’/1ºT); João Vitor (Yan, 33’/1ºT), Gabriel Galhardo, Capela; Rodriguinho (Rodriguinho, 16’/2ºT), Luquinha e Douglas Oliveira. Técnico: Souza.
Macaé: Bambu; Daniel, Anderson, Dilsinho, Luis Felipe (Jefferson, 14’/2ºT); Filipe Silva, Wagner Carioca, Marquinho, Junior, Maranhão; Matheus Babi (Felipe, 46’/2ºT). Técnico: Luiz Antônio Zaluar.
Cartões amarelos: Anderson e Luis Felipe (MAC)

Cartão vermelho: Anderson (MAC)

Gols: Luquinha, 21’/1ºT (1-0); Dilsinho, 42’/2ºT (1-1); Jefferson, 44’/2ºT (1-2)

Público: 900 pagantes (696 presentes)
Renda: R$ 13.000,00
- Anúncios -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.