fbpx

#SigaOCLICK

Filha de Sylvinho reclama de ataques de corintianos revoltados com o técnico

MAIS LIDAS

A revolta dos corintianos com o trabalho de Sylvinho é tão grande que torcedores estão tentando utilizar ataque aos familiares do treinador para fazê-lo abandonar o cargo, já que o presidente Duílio Monteiro Alves é seu maior apoiador e nem cogita uma saída. Nesta quinta-feira, após mais uma derrota, desta vez por 1 a 0 para o Flamengo, a filha do ex-lateral cansou de xingamentos e ofensas e implorou para a deixarem em paz. Taty Mendes e o irmão, Tiago Mendes, de somente 16 anos, receberam muitas ofensas em suas redes sociais.

Não é a primeira vez que isso ocorre. Mas a intensidade aumentou com o acúmulo de vexames do Corinthians jogando longe da Neo Química Arena. Taty, além de restringir seu perfil, evitando novos ataques, ainda pediu um basta, revelando que sequer está no Brasil vivendo com o pai.

“Eu e meu irmão não temos nada a ver com o meu pai no Corinthians”, afirmou. “Vocês xingando ele para a gente não faz nenhuma diferença. Não adianta pedir nada pra gente, não moramos com ele”, seguiu. “E acho que vocês deveriam ter um pouco mais de consciência antes de irem em um perfil de um garoto menor de idade xingar ele e o pai dele. Se vocês têm ódio e raiva, aí são emoções que só vocês podem controlar e, consequentemente, as ações de vocês também”, postou a garota, que vive em Madri, na Espanha.

Sem nenhuma vitória no segundo turno fora de casa em sete visitas, os torcedores dizem que o time só briga pelo G-4 por causa do apoio nas arquibancadas em Itaquera. Estão cansados da falta de padrão e do time covarde e não toleram mais Sylvinho. São 35 jogos no comando e somente 48% de aproveitamento.

As cobranças são grandes pela saída, apesar de Duílio bancar o treinador falando em “bom trabalho nos treinos”. Respaldado, Sylvinho se apega à luta pela Libertadores para seguir no clube. Os torcedores criaram diversos perfis cobrando a queda e prometem não parar de exigir uma mudança.

Só não admitem os ataques aos filhos ou à familiares do comandante. “Manifeste a favor da saída do Sylvinho comentando nas redes sociais do Corinthians e/ou na sua conta pessoal. Não adianta nada ir no perfil dos filhos, esposa ou qualquer parente que seja do técnico para atacá-los, inclusive isso é ridículo e infantil. Saibam separar as coisas”, cobrou uma das tantas páginas que exigem uma saída imediata.

Com somente cinco rodadas, Sylvinho certamente vai fechar o ano no clube. A não ser que opte pela saída. Os corintianos temem ir à pré-Libertadores, dizendo que a chance de vexame seria grande com a passiva atitude de Sylvinho longe de casa.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Mais notícias