BLOG DO FABRICIO NASCIMENTO

Opinião, artigos e bastidores da política
ClickCampos.com/Fabricio

Era uma vez Makhoul…

A justiça eleitoral determina que qualquer detentor de cargo público se retire do cargo pelo menos 6 meses antes da eleição. O Diário Oficial desta quarta-feira (01) trouxe uma barca de exonerações, e entre os nomes está o do médico Makhoul Moussalem. Ele foi nomeado em 8 de julho de 2019 para o cargo de “Assessor Especial”, com salário acima dos R$ 7.6 mil.

Em seus quase 9 meses ocupando o cargo de assessor especial, nada se viu nada sobre o seu trabalho e como ele atuava. Nem no Portal Oficial da Prefeitura aparece ações desenvolvidas por Makhoul.




Agora o médico deve buscar uma vaga na Câmara de Campos, mas não será uma tarefa das mais fáceis. Ao aceitar participar do governo Rafael Diniz, Makhoul perdeu muito da sua credibilidade perante a opinião pública.

Uma passagem completamente apagada pela prefeitura que um dia ele foi candidato a ocupar. Se na eleição de 2012 mesmo derrotado Makhoul saiu de cabeça erguida, agora ele deixa a Prefeitura de Campos pela porta dos fundos, tentando apagar esse lamentável capítulo de sua história.





Relacionados

ÚLTIMAS POSTAGENS

error: Conteúdo protegido.