Enquanto médicos fazem greve, FMC homenageia Wladimir

A Faculdade de Medicina de Campos (FMC), através de sua mantenedora, a fundação Benedito Pereira Nunes, irá homenagear nesta sexta (16) o deputado federal Wladimir Garotinho (PSD). A Faculdade, tradicional na cidade, é responsável pela formação de boa parte dos médicos que atuam em Campos e região.

A homenagem se dá pelo fato do parlamentar ter conseguido, junto ao governo federal, a liberação de cerca de R$ 2,4 milhões que estavam retidos desde outubro de 2018, além de ter conseguido um repasse mensal de RS 1,5 milhão, a ser repartido entre hospitais da rede contratualizada, onde serão beneficiados o Álvaro Alvim, a Beneficência Portuguesa e o Hospital Dr. Beda.

Todo o recurso deverá ser empregado nos setores de oncologia dos hospitais e representará um aumento de 40% nos atendimentos de pacientes com câncer.

Com isso se faz importante observar que, alguns dias antes da homenagem ao parlamentar, os médicos da rede municipal de saúde se reuniram e deliberaram greve. Além disso, seguem recusando a proposta de acordo do governo Rafael Diniz, que suspendeu o pagamento de substituições e gratificações da categoria. Mas, se há alguma ligação entre as duas coisas, só os médicos podem dizer.

- Anúncios -
- Anúncios -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.