BLOG DO FABRICIO NASCIMENTO

Opinião, artigos e bastidores da política
ClickCampos.com/Fabricio

Empresa suspeita de fraude recebe R$ 559mil da Prefeitura em contrato que não existe no Portal da Transparência

No início do mês de julho, foi publicado com exclusividade no ClickCampos a primeira, de uma série de reportagens, relacionadas as empresas fornecedoras de medicamentos para o município de Campos, onde são suspeitas de praticarem diversos crimes, como fraude em licitação, superfaturamento e até inexistência, onde revelamos por exemplo, que o dono da empresa BMC Farma teve os seus bens bloqueados em uma operação que investiga fraudes em licitações na saúde da cidade de Búzios.

Nos próximos dias daremos continuidade a série de reportagens, onde divulgaremos mais uma matéria, onde falaremos de uma das maiores prestadoras de serviços para o governo Rafael Diniz.




Mas, enquanto isso, em uma rápida passagem no Portal da Transparência, no setor de aquisições, aparece o contrato detalhado abaixo. Com o valor de R$ 559.968,99, a empresa BMC Farma foi a vencedora do processo número 0002/2019. No entanto, o contrato não é encontrado no site da prefeitura.

Ao clicarmos em “arquivo”, somos direcionados para o contrato 0002/2019 da secretaria de Saúde, e não da Fundação Municipal de Saúde, onde a vencedora foi a empresa NEWEASY SOLUÇÕES, que na verdade é a empresa responsável pela implementação do ponto biométrico. Sem acesso ao contrato fica quase impossível descobrir referente a qual licitação, dentro de quais moldes foi firmado o contrato e o número da nota de empenho.

Causa estranheza o contrato com uma das empresas denunciadas pelo ClickCampos “sumir” dessa forma. Além disso, após a publicação da matéria no ClickCampos, nenhum pagamento foi realizado para a empresa BMC. Mas de toda forma, aguardamos um posicionamento da prefeitura e a liberação do acesso ao documento, honrando o título de “cidade transparente”, recebido pelo Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro.

Relacionados

ÚLTIMAS POSTAGENS

error: Conteúdo protegido.