BLOG DO EDMAR PTAK

Opinião pessoal sobre a política de Campos

EDMAR PTAK | Pacote de maldades

Rafael Diniz enviou semana passada à Câmara Municipal um projeto com 10 medidas. Quando era vereador, Rafael Diniz costumava dizer que os projetos enviados pela então prefeita Rosinha eram pacotes de maldades. Pois bem, assim estão sendo chamadas da mesma forma as suas propostas enviadas.

Dentre essas medidas, há cortes de benefícios e gratificações, como no auxílio-alimentação; mudança na forma de pagar a insalubridade em valores fixos ao invés de ser em cima do salário-base conforme dispõe, somente à título de exemplo, lei que regula os Agentes de Combate às Endemias e dos Agentes Comunitário de Saúde, art. 9-A, §3°, Lei Federal 11.350; e modificação na forma de repasse aos hospitais contratualizados.




Fim de ano negro na cidade de Campos. RPA’s 2 meses e meio sem receber. DAS que foram privilegiados e receberam na última terça um pagamento, mas que continuam com 1,5 salários atrasados. Décimo terceiro salário dos servidores efetivos sob risco de não ser pago este ano. E ao pagar das luzes, Rafael e sua equipe, totalmente fora da realidade, tentam envolver os Vereadores para que aprovem seu “PACOTE DE MALDADES”.

Também foi enviado a Lei Orçamentária Anual. É oportuno lembrar que, à época de vereador, Rafael gritava aos quatro ventos na tribuna da Câmara dizendo que a verba para gasto livre de suplementação de crédito deveria ser de 10%, mas que agora como prefeito sugeriu 30% para o orçamento de 2020. Ou seja, faço o que eu digo, só não faça o que eu faço!

Senhores Vereadores, sabemos que Rafael está se afogando na suas próprias maldades. Sua gestão tem mais de 85% de reprovação. Agora, ele tenta abraçar os Vereadores que o apoiam no conhecido “ABRAÇO DOS AFOGADOS”. Fiquem atentos, Vereadores, pois se não tomarem uma atitude de rejeitarem essas medidas totalmente impopulares, que infligem leis federais e são até inconstitucionais, não tenham dúvida, vocês também morreram afogados.

Cabe à população ficar atenta aos vereadores que irão votar de forma favorável a este pacote de maldades e não esquecer deles na próxima eleição que se aproxima. Aqueles que puderem, servidores e população em geral, compareçam à Câmara Municipal na próxima terça e quarta, 17 e 18 de dezembro de 2019, a partir das 17h.

Todo conteúdo publicado é de responsabilidade do autor.

Relacionados

ÚLTIMAS POSTAGENS

error: Conteúdo protegido.