BLOG DO FABRICIO NASCIMENTO

Opinião, artigos e bastidores da política
ClickCampos.com/Fabricio

E agora secretário?

Na última terça-feira (29), após o radialista Leonardo Arueira divulgar um vídeo alarmando a população sobre a licitação de R$ 3,9 milhões para aquisição de plantas ornamentais, o secretário de Desenvolvimento Ambiental, Leonardo Barreto, foi para as redes sociais criticar o vídeo feito pelo radialista, afirmando que se tratava de ‘fake news’.

Pois bem. Dois dias depois de Leonardo divulgar o vídeo e fazer todo o barulho que queria, a própria Prefeitura adiou a licitação por pedido de impugnação feito pelo Conselho Regional de Arquitetura (CRA), e no mesmo dia o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Cristiano Ghuerren, pediu esclarecimentos sobre possíveis irregularidades no edital, principalmente sobre os fortes indícios de direcionamento de edital.




Por sinal, a falta de preparo do secretário é tão grande que ele diz que “todas as ações executadas pela secretaria, tem o respaldo do Ministério Público”. Possivelmente o secretário não sabe que o MP não é órgão consultivo. Simplesmente soltou a frase para parecer que tem autoridade no assunto e que sabe o que está falando.

Mas e agora secretário? Se era fake news, por que o CRA e o TCE pediram a impugnação e esclarecimento do processo licitatório? Por que o edital feito pela secretaria que o senhor comanda pede um documento que não é obrigatório por lei e que nenhuma empresa do ramo teria? Por qual motivo o edital supostamente teria sido tão direcionado? Por qual motivo o processo foi adiado e retomado para recolhimento dos envelopes três dias depois?

Faça mais um vídeo Leonardo. Explique o inexplicável. Aliás, se tem algo que tem como ser explicado nisso tudo é o motivo do senhor ainda ser secretário municipal. Todos sabem o motivo, mas infelizmente, passa longe de ser por preparo.

Relacionados

ÚLTIMAS POSTAGENS

error: Conteúdo protegido.