fbpx

#SigaOCLICK

Duas pessoas desaparecidas após incêndios devastadores no oeste dos EUA

MAIS LIDAS

Depois de receber centenas de chamadas telefônicas de familiares preocupados, os serviços de socorro localizaram quase todas as pessoas que tinham fugido dos incêndios, mas “duas pessoas continuam desaparecidas”, declarou à agência de notícias France-Presse (AFP) Jennifer Churchill, porta-voz do departamento de gestão de emergências do condado de Boulder.

“Estamos a investigar”, acrescentou a porta-voz, sem dar mais pormenores.

- Advertisement -

O xerife do condado de Boulder, Joe Pelle, disse na sexta-feira que nenhuma morte tinha sido relatada, o que parecia ser “um milagre” dada a violência e a velocidade de progressão dos incêndios.

Pelo menos 500 casas foram destruídas e dezenas de milhares de pessoas tiveram de fugir dos incêndios que destruíram bairros inteiros “num piscar de olhos”, de acordo com o governador do Colorado, Jared Polis.

“As famílias tiveram apenas alguns minutos para colocar tudo o que podiam — os seus animais, os seus filhos – nos carros e partirem”, explicou Polis.

Já o xerife do condado de Boulder admitiu que o número final de casas destruídas ainda não é conhecido, podendo ultrapassar as mil habitações.

A forte queda de neve registada na zona impediu, entretanto, que o fogo se propagasse na região.

Nas imagens aéreas divulgadas são visíveis os danos registados nas áreas residenciais afetadas pelos incêndios.

Em resposta a um apelo do governador Polis, o Presidente norte-americano, Joe Biden, prometeu que “serão feitos todos os esforços para prestar assistência imediata às pessoas e populações afetadas”, indicou a Casa Branca.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Mais notícias