#SigaOCLICK

-

Com um gol de Gabigol, Brasil vence a Venezuela na estreia da Copa América

Coadjuvante em meio à polêmica e às críticas pela realização da Copa América no Brasil devido à pandemia de Covid-19, a bola enfim rolou. Na estreia da competição, a Seleção Brasileira enfrentou uma Venezuela muito desfalcada justamente por causa da doença e, longe de ser brilhante, venceu no Mané Garrincha por 3 a 0, com dois gols de bola parada, de Marquinhos e Neymar, e mais um de Gabigol.

Contra um adversário fraco e ainda por cima fragilizado por causa dos desfalques (são 13 infectados com Covid-19, entre jogadores e comissão técnica), o Brasil dominou desde o início, como esperado. Ainda assim, teve muitas dificuldades para furar a retranca venezuelana na primeira etapa. Tanto que o gol só saiu em jogada de bola parada, aos 22: Após escanteio, Richarlison desviou de cabeça e a bola sobrou para Marquinhos na pequena área tocar para fazer o primeiro gol desta edição da Copa América.

- Informe Publicitário -

Antes, o Brasil, que teve Renan Lodi como novidade na escalação, só havia chegado num lançamento para Richarlison, que tocou e o goleiro espalmou, e num cruzamento que Eder Militão cabeceou rente à trave. Depois do gol, só duas chances claras. Richarlison chegou a marcar, aos 25, mas estava impedido. E Neymar, aos 29 chutou para fora.

Após o intervalo, Everton Ribeiro e Alex Sandro entraram. O meia do Flamengo deu nova dinâmica à Seleção e logo nos primeiros minutos fez duas boas jogadas. Em uma deles, Gabriel Jesus cruzou rasteiro, mas Neymar não alcançou na pequena área. O Brasil criava mais, mas não conseguia finalizar, até que, aos 16, Danilo sofreu pênalti de Cumaná. Neymar cobrou e ampliou o placar.

Com a vantagem, a Seleção reduziu o ritmo e não conseguiu criar muita coisa de bom. Já na parte final, Neymar fez grande jogada, tabelou com Gabigol, mas chutou para fora. A dupla voltou a funcionar aos 43, só que desta vez o camisa 10 caiu pela esquerda, driblou o goleiro e cruzou para o atacante do Flamengo, sozinho, marcar de barriga e fechar com o 3 a 0.

Na próxima rodada do Grupo A da Copa América, a equipe de Tite enfrentará o Peru, quinta-fera, no estádio Nilton Santos.

- Informe Publicitário -

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS LIDAS

Leia tambémRELACIONADAS
Destaques

WhatsApp chat