Chikugunya: Números não param de crescer

A pauta do momento é o silêncio e apatia do governo diante de uma das maiores crises de infestação do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da Dengue, Zica e Chikugunya.

Os números de acometidos sobe drasticamente. Já são quase de 3 mil casos registrados em Campos. Há, literalmente e infelizmente, gente morrendo. Enquanto isso, o governo não se pronuncia e nem busca ajuda. Nem mesmo os “fumacês” são vistos mais pelas ruas. O deputado Wladimir, os vereadores Álvaro Oliveira e Rosilani do Renê, já abordaram o tema no início desta semana, inclusive em busca de hospital de campanha.

Agora, se a área central e urbana sofre, imaginem as regiões periféricas e rurais, onde a proliferação é grande e a assistência é mínima.

- Anúncios -
- Anúncios -

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.