#SigaOCLICK

-

Campos: UPHs voltam a atender urgência e emergência odontológica dia e noite

O Departamento de Odontologia da Secretaria de Saúde reativou, na atual gestão, os serviços de urgência e emergência odontológica em sete Unidades Pré-Hospitalares (UPHs) de Campos. São elas: UPH Saldanha Marinho, Guarus, Ururaí, São José, Farol de São Thomé, Morro do Coco e Travessão. As unidades funcionam 24h, segundo o assessor chefe do Departamento de Odontologia, José Luiz Oliveira.

José Luiz disse que nesses locais são atendidos casos de infecção dentária, problemas de dor de dente, entre outros. “Já os casos de rotina, não emergenciais, como extrações e tratamento de canal, além de odontopediatria, continuam sendo atendidos no Centro de Saúde, que funciona anexo à Secretaria de Saúde”, explicou ele, destacando que para os atendimentos não emergenciais é preciso agendamento presencial. A pessoa deve comparecer ao Centro de Saúde, das 8h às 17h.

- Informe Publicitário -

Para evitar aglomeração, visando prevenir a transmissão do novo coronavírus, e seguindo orientação da Vigilância Epidemiológica, José Luiz afirmou que o atendimento teve que ser reduzido para oito pacientes/dia, quatro na parte da manhã e quatro à tarde. “É uma forma de proteger o paciente e o cirurgião dentista”.

A manicure Francislene da Silva Xavier, 25 anos, tem uma filha de 5 anos que faz tratamento no Departamento de Odontologia, desde 2019. Segundo Francislene, a filha estava sentindo dor de dente e procurou o Centro de Saúde para agendar a consulta. “Fiz o agendamento e, após um mês, minha filha teve a primeira consulta”, disse ela, que elogiou o programa. “Somos muito bem atendidas aqui”.

A odontopediatra Fernanda Pereira Rodrigues disse que é gratificante atender aos pequenos. “Amo o que faço”, disse ela, enquanto atendia a filha de Francislene.

Outro programa de grande relevância, segundo José Luiz, é o “Portas Abertas”, que funciona nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e no Hospital dos Plantadores de Cana (HPC) e atende gestantes, puérperas, que são as mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias, e recém-nascidos para o teste da linguinha, que é um exame indicado para o tratamento precoce de língua presa. Quando há necessidade de cirurgia de corte no “freio da língua”, a própria UBS encaminha o bebê para o Centro de Saúde, onde é feito o agendamento.

O Departamento conta ainda com uma equipe de dentistas para atendimento às pessoas que se encontram acamadas, que é o Serviço de Atendimento Domiciliar (SAD).

- Informe Publicitário -

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS LIDAS

Leia tambémRELACIONADAS
Destaques

WhatsApp chat