fbpx

#SigaOCLICK

Cabo da PM mata ex-noiva e depois tira a própria vida

MAIS LIDAS

O cabo da Polícia Militar Luiz Felipe dos Santos Monteiro matou a ex-noiva e cometeu suicídio em seguida, no bairro Coelho da Rocha, em São João de Meriti, na tarde de quinta-feira (14). Segundo testemunhas, Monteiro não aceitava o fim do relacionamento com a mulher, identificada como Camila.
Lotado no 12º BPM (Niterói), Monteiro estava de folga, mas foi encontrado fardado. A equipe do 21º BPM (São João de Meriti) foi acionada quando o policial já havia cometido o suicídio. A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) investiga o caso.
Em nota, a Polícia Militar afirmou que “vem desenvolvendo um trabalho expressivo voltado para o bem-estar e saúde mental da tropa. Esses esforços vão desde atendimento psicológico intensificado aos agentes de segurança a palestras para os comandantes da tropa. As atividades incluem um programa de palestras desenvolvido pela coordenação da Patrulha Maria da Penha para sensibilização da tropa para questões relacionadas a violência doméstica”.
A corporação ressaltou ainda que, na quinta-feira (14), iniciou a segunda fase da Patrulha Maria da Penha, que prevê um “cronograma de capacitação com os batalhões do interior do estado para sensibilização dos policiais para atuarem em ocorrência que envolvem violência contra a mulher e o descumprimento de Medidas Protetivas”.
Caso esteja pensando em cometer suicídio, procure ajuda especializada como o Centro de Valorização da Vida (CVV) da sua cidade. O CVV funciona 24 horas por dia pelo telefone 188, e também atende por e-mail, chat e pessoalmente. São mais de 120 postos de atendimento em todo o Brasil.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Mais notícias