Búzios descarta lockdown após manifestações

A decisão do lockdown em Búzios, na Região dos Lagos, foi suspensa nesta quinta-feira (17). Após moradores e turistas protestarem, não concordando com a ação. Houve uma intensa manifestação, que reuniu mais de 400 pessoas, onde ruas foram fechadas, inclusive a saída da cidade.

O desembargador Claudio de Mello Tavares retirou a liminar que determinava a volta da bandeira vermelha e o fechamento dos pontos turísticos, pousadas, hotéis, do comércio e exigia a saída dos turistas em até 72 horas do município. A prefeitura de Búzios anunciou no portal oficial que iria cumprir a medida, mas que entraria com recurso. Logo depois foi divulgou que uma ação para reverter a decisão judicial tinha sido solicitada.

- Advertisement -

De acordo com a prefeitura, a decisão se baseia em Termo de Ajustamento de Conduta celebrado com a Defensoria Pública em junho de 2020, e que não foi honrado pela gestão anterior, do prefeito André Granado, mas desde o dia 21 de outubro, data em que a atual gestão do prefeito em exercício Henrique Gomes assumiu o governo, vários itens do TAC começaram a ser cumpridos, como o aumento do número de leitos de internação para Covid-19.




MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido.