Uncategorized

Aumento abusivo do STF causa revolta e preocupação

Diante um país instável com uma crise financeira, o Senado Federal teve a audácia de aprovar o aumento salarial para os ministros do STF. Cabe ao Presidente Michel Temer, a aprovação ou veto do projeto, o que não deverá acontecer. Prestes à desocupar a presidência e com todo seu “currículo”, seria demasiadamente afrontoso vetar o projeto em questão.

Alguns ministros sustentam um discurso frágil, insistem em dizer que tal reajuste é necessário, como mais cedo disse o então Presidente da Corte, ministro Dias Toffoli : “Para a felicidade nossa, ontem, com a aprovação do projeto de lei do subsídio e também agradeço às senhoras e aos senhores que sei que também atuaram e enviaram esforços, junto ao Congresso Nacional no sentido de deixar claro o quão justo e correto era essa revisão, uma vez que na verdade trata-se de uma recomposição de perdas inflacionárias em um período já bastante antigo, de 2009 a 2014”, disse o presidente do STF.

Tal projeto causa consequências desastrosas nas contas públicas, o impacto pode chegar a 6 bilhões de reais.

Setores da sociedade civil estão se movimentando na tentativa de impedir a progressão do projeto . É inaceitável que os senadores tenham votado de maneira tão distante de um Brasil real.

Comente com o seu Facebook
Aumento abusivo do STF causa revolta e preocupação

To Top
error: Conteúdo protegido.