BLOG DO MAYCON VIDAL

Opinião, artigos e bastidores da política

Artistas locais são vítimas de “calote” da Prefeitura

A Prefeitura de Campos tem habitualmente contratado artistas locais para eventos culturais da cidade.  Porém, após prestar o serviço, os artistas têm sido surpreendidos com a informação de que não será fácil receber o pagamento pelo trabalho já realizado.

O “calote” da prefeitura já vem sido criticado desde o ano passado, mas agora, em 2020, uma das artistas lesadas decidiu se pronunciar. A cantora Larice Barreto, revelada nacionalmente pelo programa The Voice, da Rede Globo, expôs em suas redes sociais a inadimplência do poder público.

Segundo a cantora, o atraso no pagamento seria da culpa da Secretaria de Fazenda. Larisse Barreto ainda aponta os eventos em que teria trabalhado sem receber durante o ano de 2019, sendo a Festa do Trabalhador em maio, um evento em Vila Nova em junho e o Festival de Petiscos em setembro.

Por mais que seja revoltante, a prática já é comum no governo.  RPAs com 4 meses de pagamento atrasado, fornecedores sem receber, hospitais contratualizados sem repasses de verba, estagiários e servidores com pagamentos parcelados,  entre outros “calotes”.

Em contrapartida, a Prefeitura segue pagando empresa de publicidade, tentando realizar pregão de R$ 3 milhões em plantas ornamentais, pagando aluguéis de imóveis que não são utilizados e cercando terrenos por mais de R$ 200 mil. Ao que parece, diferente do discurso comum do governo, o problema não está no dinheiro e sim nas prioridades.

Relacionados

ÚLTIMAS POSTAGENS

error: Conteúdo protegido.