Banner-720x91_1.gif

Aos 110 anos idoso recebe a 1ª dose da vacina e relembra que venceu a Covid-19

-

- Siga o nosso Instagram -

Com 110 anos, Davino Cordeiro Leodoro, morador de Guarus, se emocionou ao tomar a primeira dose da vacina contra o coronavírus nesta quarta-feira (31), na Unidade Básica de Saúde Patronato São José. Ele relembrou que venceu a Covid-19 em junho do ano passado, quando ficou internado durante 18 dias no Centro de Controle e Combate ao Coranavírus (CCCC).

“Estava apreensivo em tomar a vacina. Agora quero voltar aqui daqui a alguns dias e poder tomar a segunda dose. Também quero comer ainda mais, porque fiquei um pouco fraco quando tive a doença e não queria comer muito naquela época. Mas preciso ficar forte para arrumar até uma namorada”, brincou seu Davino.

- Informe Publicitário -

Aos 110 anos, ele relembra algumas pandemias que, ao longo do tempo, tiraram a vida de milhares de pessoas. “Foram muitas mortes, muito triste tudo isso. A que me recordo bem foi a gripe Espanhola e, depois de anos, ouvia no rádio sobre outras mortes, como na Ásia, que matou muita gente”, recorda seu Davino.

Na época que contraiu a Covid-19, em junho, seu Davino era o segundo paciente mais idoso a vencer a doença no Norte Fluminense. Pai de sete filhos, avó de 11 netos e 18 bisnetos, o idoso será vacinado com a segunda dose daqui a 21 dias.

- Informe Publicitário -

Aos 110 anos idoso recebe a 1ª dose da vacina e relembra que venceu a Covid-19

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Informe Publicitário -

MAIS LIDAS

Leia tambémRELACIONADAS
Destaques