Brasil e Mundo

A POLÍTICA SEMPRE SURPREENDE: Família de Geddel quer quebrar sigilo da PF para saber quem denunciou ‘bunker’ de R$ 51 milhões

Quando pensamos que não há nada na política brasileira que possa nos surpreender, aí sim somos surpreendidos novamente. O Jornal O Globo trás na tarde desta quinta-feira a notícia que a família de Geddel Vieira Lima, o ex-ministro de Temer que foi preso após a PF encontrar malas com R$ 51 milhões em seu apartamento, quer quebrar o sigilo da Polícia Federal para descobrir de onde veio a denúncia sobre as malas de dinheiro.

O pedido foi feito pelo advogado Gamil Föppel, em nome do deputado Lúcio Vieira Lima (MDB-BA) e de sua mãe, Marluce Vieira Lima. Os R$ 51 milhões guardados em um apartamento em Salvador levaram, em setembro do ano passado, à prisão do ex-ministro Geddel Vieira Lima, irmão de Lúcio. Os três são réus em ação penal aberta no Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar o caso.

“Requer a quebra do sigilo telefônico do NIP da Superintendência da Polícia Federal da Bahia a fim de verificar quais números ligaram para o referido terminal no dia 14 de julho de 2017, possibilitando a identificação do número (e respectivos dados cadastrais) responsável pela ligação anônima referida na informação nº 15/2017”, diz trecho do pedido da defesa.

Caso o pedido seja acatado, seria o maior exemplo já visto do “poste urinando no cachorro”.

Comente com o seu Facebook
A POLÍTICA SEMPRE SURPREENDE: Família de Geddel quer quebrar sigilo da PF para saber quem denunciou ‘bunker’ de R$ 51 milhões

To Top
error: Conteúdo protegido.