fbpx

#SigaOCLICK

Entenda o que é chuva congelante, raro fenômeno que chega ao Brasil na próxima semana

A próxima semana deve ver as temperaturas despencarem em grande parte do Brasil, com a chegada de uma massa de ar polar às regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Em São Paulo, por exemplo, os termômetros devem marcar menos de 10 graus, enquanto em Estados do Sul, podem ocorrer neve, geadas, chuva congelada e chuva congelante com o frio. Apesar dos quatro fenômenos climáticos terem relação com o a precipitação e congelamento da água, não são a mesma coisa. A chuva congelante é rara no Brasil e mais comum na América do Norte; ela ocorre quando uma frente fria e uma frente quente se encontram. A água cai no estado líquido, mas se congela ao tocar em outra superfície. A chuva congelante pode causar problemas a aviões ou carros e, dependendo da duração, também para a rede elétrica.

A chuva congelante é diferente da chuva congelada: esta última deixa a nuvem como neve, derrete ao passar por uma camada de ar quente e recongela ainda no ar, antes de chegar ao chão, gerando pequenas bolas de gelo. A neve é quando a água se solidifica em formato de cristais, que caem e chegam ao solo neste mesmo formato. A geada ocorre quando há alta umidade do ar em temperaturas baixas; parte dessa umidade passa para o estado líquido sobre superfícies e posteriormente para o sólido. O granizo, também uma forma sólida de chuva, requer condições específicas ainda antes de ir ao solo e costuma ter pedras de gelo mais duras e maiores. Além disso, também é um fenômeno mais comum em tempestades tropicais em momentos de alta temperatura, por isso, não deve ocorrer nos próximos dias.

Mais lidas

Siga o nosso insta!

44,0k Seguidores
Seguir

Últimas notícias