Apesar da crise econômica financeira e da dificuldade em abrir vagas, em todo o país, a superintendência de Trabalho e Renda encerrou o mês de janeiro com resultados positivos. A avaliação é do superintendente, Gustavo Matheus. Ele afirma que, neste primeiro mês, aproximadamente, 2 mil pessoas passaram pelo Espaço da Oportunidade. Foram feitos 1.133 novos currículos e encaminhadas 3.899 pessoas para o mercado de trabalho. O Espaço conta, atualmente, com 293 vagas de emprego abertas.

– Realizamos em janeiro várias agendas propositivas com objetivo de aumentar não só a demanda de vagas quanto cursos de capacitação profissional. Foi um mês de arrumar a casa, fazer projetos e estipular metas – informa Gustavo Matheus.

Ele adianta que, depois do Carnaval, a superintendência vai voltar a emitir carteiras de trabalho e a distribuir bolsas para cursos profissionalizantes, de acordo com a condição socioeconômica dos candidatos.

As vagas disponibilizadas no Espaço da Oportunidade são atualizadas, em tempo real, de acordo com os encaminhamentos feitos ao mercado de trabalho. “As áreas que oferecem mais oportunidades são de vendedor de comércio varejista, zelador e faxineiro. O comércio varejista segue como um dos setores que mais tem pretendentes as vagas abertas. Isso é bom, mas vemos a necessidade de mais oportunidades de capacitação profissional para que as pessoas também possam conseguir trabalho de acordo com sua vocação” disse o superintendente.

— Uma média de 100 pessoas nos procuram diariamente. Esse número deve aumentar quando estiver em funcionamento o cadastro de autônomos, emissão de carteira de trabalho e abertura de bolsas de capacitação profissional – explica, lembrando que o Espaço da Oportunidade funciona de segunda a sexta, de 8 às 17 horas, no alto da Rodoviária Roberto Silveira, na Av. José Carlos Pereira Pinto, 255 – Centro.

O Espaço conta com 467 empresas cadastradas que disponibilizam vagas e absorvem a mão-de-obra encaminhada. “O Espaço da Oportunidade ainda cede um espaço físico para que as empresas realizem seu processo seletivo e, ainda, tem uma equipe de atendentes que realiza um cadastro com todas as informações necessárias dos interessados nas vagas, sempre priorizando o bem-estar do munícipe”.

Comente com o seu Facebook