O começo do ano letivo da rede municipal de ensino será adiado em uma semana. Programado para segunda-feira (06), o início do calendário de 2017 será feito no dia 13. De acordo com o secretário municipal de Educação, Brand Arenari, a falta de uma transição correta e madura da gestão passada causou problemas no planejamento da pasta. A mudança foi tomada em comum acordo com o Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação (Sepe).

— Mesmo com o cenário negativo, fizemos um grande esforço para que o início do ano letivo não sofresse alterações. Porém, sem as informações necessárias que não foram passadas na transição, criou-se uma série de questões, entres eles o abandono de algumas unidades e a ausência de um sistema eficaz na secretaria. Temos que organizar diversos setores que se encontravam extremamente precarizados como transporte, infraestrutura e merenda. Chegamos a essa decisão ouvindo a categoria, e o Sepe concordou com a medida para o bem de alunos e professores — disse Brand.

Ao confirmar a mudança, o secretário de educação garante que o adiamento não vai causar danos ao calendário de 2017. “Tivemos menos de um mês para fazer todo o planejamento e esse foi o melhor caminho para atender toda a categoria. Além disso, não haverá consequências negativas para o decorrer do ano”, completa o responsável pela educação.
Comente com o seu Facebook