O taxista Paulo Cesar Rosa Ferreira Junior, de 37 anos, foi assassinado na noite desta terça (10), após reagir a um assalto na Estrada da localidade de Santa Ana, na Zona Rural de Campos.

Segundo informações da Polícia Militar, Paulo Cesar trabalhava na Praça São Salvador como taxista e teria aceitado fazer uma corrida que teria sido contratada pelos menores de iniciais F.E.A.C.S., de 16 anos, e J.A.A., de 15 anos. O destino seria a localidade de Brejo Grande.

Porém, ao chegarem em Brejo Grande, os dois menores encontraram com mais dois comparsas que anunciaram o assalto. Os 4 teriam colocado o taxista no porta malas do veículo e um dos menores teria assumido a direção. Em seguida eles teriam ido até a localidade de Santa Ana, próximo ao distrito de Travessão. Chegando na localidade de Santa Ana, o combustível do veículo teria acabado. Paulo Cesar teria aproveitado o momento e tentado sair da mala do carro. Um dos menores teria então dado uma coronhada em Paulo e dois tiros, acertando a cabeça e o tórax de Paulo de Cesar.

Após matar o taxista, os menores teriam roubado uma câmera fotográfica, um celular, um relógio e R$ 38. Em seguida os menores teria fugido na direção de um canavial na localidade.

Após ser acionada, a Polícia Militar realizou buscas e encontrou os menores a uma distância de 3km do local do crime, próximo a um forró na localidade de Brejo Grande. Os menores foram apreendidos com dois revólveres calibre 38 e os pertences do taxista.

Os menores confessaram o crime e informaram que na Praça São Salvador, dois outros taxistas teriam recusado a fazer a corrida para eles.

O caso foi registrado na 146ªDP/Guarus. O corpo de Paulo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) de Campos.